Publicado em: 07/03/09

O que determina o sucesso profissional, dentro ou fora das empresas, não é apenas o currículo, mas o resultado da equação: Perfil + talentos + atitudes que cada pessoa possui. Todo mundo sem exceção deixa um rastro durante a vida e este rastro passado mostra uma clara tendência futura. A personalidade ao contrário do que muitos dizem é relativamente previsível. “Lagartixa não vira jacaré”. Fazendo as perguntas certas e checando a veracidade das respostas é possível prever com boa margem de acerto o futuro profissional de qualquer um.

Elaborei um questionário bem humorado para você avaliar como será sua perspectiva na carreira.

1- Você conhece seus pontos fortes (aquelas atividades em que você se destaca naturalmente) na vida profissional?

a- Não tenho ponto forte.

b- Não tenho certeza, mas desconfio.

c- Conheço mas não os utilizo no trabalho atual.

d- Conheço e uso meus pontos fortes na maior parte do tempo.

2- Quando seu chefe aparece com algum problema sério em seu departamento, e pede um voluntário para resolver, normalmente o que você faz?

a-  Sai de fininho.

b-  Sugere que um colega (qualquer colega) resolva.

c-  Se alguém pedir você ajuda a resolver.

d-  Toma a iniciativa e procura resolver o problema.

3-  Como é seu network (rede de relacionamentos)?

a- Péssimo, acho isso pura frescura.

b- Mais ou menos, me falta tempo.

c- É bom, mas restrito a pessoas na área em que trabalho.

d- É excelente, conheço pessoas interessantes de diferentes áreas.

4- Com qual frequência você procura soluções diferentes (e consegue) para alcançar melhores resultados em seu trabalho?

a-  Quase nunca (não sou pago para isso).

b-  Quando a coisa aperta.

c-  Quando sobra tempo eu consigo.

d-  O tempo todo.

5- Quão dedicado você tem sido nos empregos que teve, quando comparado a pessoas de sua área de atuação?

a-  Pouco (não vale a pena se matar por ninguém).

b-  Na média.

c-  Acima da média se valer a pena.

d-  Muito acima da média.

6- Quanto você estuda por ano (faculdade, pós-graduação, idiomas) quando comparado à média das pessoas em sua área de atuação.

a- Abaixo da média, odeio estudar.

b- Acho que na média (mas não tenho certeza).

c- Acima da média (mas não tenho certeza).

d- Acima da média (com certeza absoluta).

7- Com relação à média de mercado em sua profissão, como são seus resultados?

a- Abaixo da média e não ligo.

b- Na média (mas pretendo melhorar).

c- Acima da média (mas depende do mês).

d- Quase sempre acima da média.

8- Qual sua convicção sobre estar na profissão certa?

a- Tenho certeza que estou na profissão errada.

b-  Não sei ao certo.

c-  Acho que estou na profissão certa (mas às vezes bate uma dúvida).

d- Tenho convicção que estou na profissão certa.

9- O que as pessoas costumam comentar a respeito de seu trabalho?

a-  Que é fraco (mas é tudo gente invejosa).

b-  Pensando bem, comentam pouco.

c-  Dizem que sou bom no que faço.

d-  Dizem que sou muito bom no que faço (mas não estou satisfeito).

10- Com que frequência você é  convidado a trabalhar em outras empresas.

a- Nunca (mesmo porque acho isso trairagem).

b- Muito raramente.

c- Recebo algumas “sondagens”, mas nada concreto.

d- Recebo propostas tentadoras com alguma frequência.

É claro que você percebeu quem não há “pegadinhas” e que este questionário depende totalmente de sua sinceridade para que haja um real diagnóstico.

Pontos por alternativas:

  1. 1 pontos
  2. 4 pontos
  3. 7 pontos
  4. 10 pontos

10 a 30 pontos

Você veio ao mundo a passeio…

Ou odeia o que faz. A previsão sobre seu futuro profissional é que se ele ainda existe deixará de existir em breve. Se você não se coçar muito rápido, não vai dar mais tempo de voltar ao mercado.

31 a 60 pontos

Parabéns! Você é o melhor dos ruins (e o pior dos bons)!

Você está na média baixa do mercado. Esforça-se para o gasto, estuda para o gasto, se dedica para o gasto. Só está empregado por que ainda não acharam ninguém para seu lugar.

As pessoas às vezes acham que pode aparecer uma chance de ouro na carreira. Em seu caso se aparecer você provavelmente não conseguirá mantê-la. A previsão é de declínio em sua carreira. Se não gosta do que faz é hora de procurar outra profissão e se dedicar bastante a ela.

61 a 80 pontos

Passou por média, mas não garantiu nada.

Você está na média mais alta de mercado. Ainda se destaca dos demais. Muitas pessoas são contratadas pelo bom currículo e ficam limitadas pelas atitudes. A pessoa tem talento para a função, mas… é indolente, ou tem dificuldade em cumprir horários, ou trabalha mal em grupo, ou não consegue ser proativa, ou é desagregadora ou tudo isso junto. Procure prestar atenção em suas atitudes no dia-a-dia. Se você quiser um futuro profissional entre os melhores, terá que se esforçar ainda mais.

81 a 100 pontos

Você faz parte da elite profissional.

Seja qual for sua profissão, você deve ser muito bom no que faz. Se ainda não é muito requisitado, se mantiver esta média por mais alguns anos, certamente será. As empresas que buscam alta performance, estão desesperadamente atrás de pessoas como você!

Não é fácil chegar aonde você chegou, mas ainda dá para fazer muito mais. Persevere!

Para concluir: Algum talento todo mundo tem. O principal desafio é descobrir quais são seus talentos  e aperfeiçoá-los.  Se aliar boas atitudes a isso, nunca lhe faltará trabalho, emprego, bico ou o que achar melhor.

Não se engane, não existem atalhos. Conheço gente que se esforça por seis meses e espera resultados espetaculares, se não acontece (normalmente demora) a pessoa desanima. No curto prazo alguma “esperteza” até faz sucesso, mas no longo prazo vencem os mais dedicados/talentosos.

Se você investir muito do seu tempo nesta análise, com certeza seu futuro profissional estará “previsivelmente” garantido.

Bom futuro!

[fusion_builder_container hundred_percent=”yes” overflow=”visible”][fusion_builder_row][fusion_builder_column type=”1_1″ background_position=”left top” background_color=”” border_size=”” border_color=”” border_style=”solid” spacing=”yes” background_image=”” background_repeat=”no-repeat” padding=”” margin_top=”0px” margin_bottom=”0px” class=”” id=”” animation_type=”” animation_speed=”0.3″ animation_direction=”left” hide_on_mobile=”no” center_content=”no” min_height=”none”][fusion_button url=”http://pactive.com.br/wp-content/uploads/2011/03/desafio.pdf” target=”_blank” color=”red” ]Texto em PDF[/fusion_button] [/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *